Buscar
  • Ribeiro e Bittencourt

Conheça o implante dentário, seus tipos de tratamento e os principais mitos


O implante dentário consiste em uma peça de titânio usada para prender os substitutos dos dentes reais do paciente. A peça é presa sob a gengiva, no próprio maxilar do paciente, dando sustentabilidade para a colocação do dente.


Ele pode ser usado a partir de várias situações, como nos casos em que o paciente tem perda total dos dentes e de suas raízes, ou quando o dente é consumido por cáries, que os destroem, levando à perda total.


Assim, as peças precisam ser implantadas de forma a substituir essas duas partes que já não existem, pois sem elas, em alguns casos, nem mesmo a dentadura pode ser usada. O procedimento tem apelo para a saúde e para a estética, uma vez que, ao perder os dentes, a autoestima pode ficar prejudicada.


Neste artigo, abordaremos tudo sobre implante dentário, seus benefícios, quem pode e quem não pode usá-lo, além de tirar outras dúvidas, como nos casos de aparelhos ortodônticos. Boa leitura!


O que é implante dentário?


O implante dentário é um procedimento odontológico que tem como objetivo substituir os dentes ausentes do paciente. Além da finalidade funcional, ele exerce uma finalidade estética, principalmente quando o objetivo é o implante de dentes da frente.

Para isso, parafusos de titânio são fixados no osso e recebem uma coroa por meio de um componente de encaixe. Dessa forma, esses “parafusos” são totalmente imóveis, pois ficam presos ao osso.

O processo é feito com um pequeno procedimento cirúrgico que pode compreender implante dentário total ou de um único dente. O processo, que vem se popularizando, pode ser realizado em clínicas de odontologia, mas é sempre importante escolher locais especializados em implantes, como a Clínicas Ribeiro & Bittencourt.


Quais são os tipos de implante dentário que existem?


Existem vários tipos de implantes dentários e eles podem ser usados de acordo com cada necessidade. No acompanhamento do profissional de odontologia, é possível descobrir qual o modelo ideal para o caso. Vejamos alguns exemplos.


Implante curto


Esse processo é muito utilizado nos casos em que o paciente dispõe de pouca estrutura óssea. Essa modalidade foi desenvolvida para quem que não deseja fazer enxertos nos ossos, que podem estar desgastados por vários problemas.


Para o sucesso do implante, as peças de titânio precisam ficar fixas, por isso as peças dessa modalidade são menores do que as tradicionais, precisando de perfurações menores nas estruturas ósseas. Entretanto, os resultados dos implantes dentários curtos são satisfatórios.


Implante simples


Esse procedimento é usado para casos de substituição de um único dente, ou quando as próteses não são sequenciais. O procedimento é igual, e a peça é presa ao osso mandibular ou maxilar.


Implante duplo


Esse processo visa suprir a perda de três dentes consecutivos com apenas dois implantes. Para isso, o caso precisa ser estudado pelo profissional, que avaliará a condição do procedimento.


Prótese protocolo


Esse tipo de implante dentário é usado quando o paciente perde todos ou quase todos os dentes. Ele usa entre quatro e oito peças para sustentar toda a colocação de dentes fixos.



Para quem é indicado e quando deve ser feito?


O implante dentário é necessário para quem teve perda de um ou mais dentes, podendo, inclusive, ter perdido todos. A perda pode se dar por várias razões, como:

O tratamento deve ser indicado e acompanhado por um dentista, que definirá o melhor procedimento. É recomendado, ainda, que a procura seja feita o quanto antes, pois, com a perda do dente, a estrutura óssea pode ficar exposta, gerando desgaste e dificultando o processo.


Existem contraindicações?




Principais dúvidas sobre o implante dentário


Vejamos as principais dúvidas de pessoas que fizeram implante dentário ou daquelas que desejam fazer o procedimento.


É verdade que é possível rejeitar o dente implantado?


Mito! Não existe rejeição do implante pelo corpo. O que pode acontecer é alguma parte do processo pré-operatório ou pós-operatório dar errado e, por isso, é muito importante escolher a clínica certa. A estrutura de titânio do implante não acarreta rejeição, sendo um mito essa dúvida.


É possível realizar um implante dentário sem cirurgia?


Mito! Não existe a possibilidade de ter o dente implantado sem cirurgia. No entanto, existe um processo conhecido como "implante sem corte", em que é feito um corte menor na gengiva. Mas isso depende da avaliação do profissional em relação ao tratamento.


O implante dentário deve ser feito no mesmo dia da perda do dente?


Verdade! A busca por uma clínica pode ser feita no mesmo dia da perda do dente, e o tratamento pode ser iniciado nessa mesma data. Quanto mais o paciente demora a iniciar o tratamento, mais difícil ele pode ser.


É possível fazer implante dentário de todos os dentes?


Verdade! Todos os dentes podem sim ser implantados e, inclusive, com menos estruturas de titânio. Há casos em que quatro implantes sustentam toda a prótese, mas isso é avaliado pelo profissional.


Quem tem aparelho pode fazer o procedimento?


Depende! Essa não é uma questão fácil, porque existem fatores que precisam ser analisados antes de se chegar a uma resposta,por exemplo: se o paciente precisa implante em todos os dentes ou só em alguns.


Caso o tratamento seja para mover os dentes para a frente, e os implantes tenham sido realizados nos dentes de trás, podemos considerar que esse é um caso muito complicado de ser resolvido, já que acontece um atrito entre os processos.


Mas, caso contrário, o tratamento ortodôntico é sim viável, pois o atrito será descartado e os dentes serão corrigidos e alinhados, inclusive os provenientes do implante dentário, que servem como base para que os dentes naturais restantes sejam corrigidos com o tratamento.


Sendo assim, nada impede que uma pessoa que tem implantes dentários faça uso de aparelho ortodôntico. Pelo contrário! Em certos casos, dependendo da localização do implante, ele pode até mesmo ajudar no tratamento e contribuindo com a sua evolução.


Ribeiro & Bittencourt: a melhor escolha para deixar o seu sorriso cada vez mais bonito


Na hora de buscar clínicas para a realização do implante dentário e outros procedimentos ortodônticos, é importante escolher o local certo. A Ribeiro & Bittencourt é especialista em deixar sorrisos mais bonitos e, para isso, conta com profissionais qualificados.


A Dr. Elenize e o Dr. Paulo, responsáveis pela Ribeiro & Bittencourt, são reconhecidos pela ética profissional e pelo atendimento humanizado que ambos oferecem.

A Ribeiro & Bittencourt conta com sedes em três municípios catarinenses, Araranguá, Santa Rosa do Sul e Sombrio, e todas com os mais diversos serviços. Confira:

  • aparelho ortodôntico

  • preenchimento labial

  • lipo de papada

  • lentes de contato

  • aparelho invisível

Tudo isso além dos tratamentos de ortodontia, periodontia, implantes e endodontia.


Desde o início do acompanhamento até a finalização dos procedimentos, a Ribeiro & Bittencourt pensa no sorriso e no conforto do cliente. A atuação dos profissionais é pensada para oferecer o resultado desejado.


Para mais informações sobre a Ribeiro & Bittencourt, acesse o nosso site ou entre em contato para agendar uma consulta.


Gostou deste artigo? Então, confira outros títulos em nosso blog:

27 visualizações0 comentário

Araranguá

Av. Getúlio Vargas, 774 - Centro, Araranguá - SC, 88900-035

Fone (48) 3524-0797

WhatsApp (48) 99904-0245

Segunda a Sexta das 08:00 ás 20:00

Santa Rosa do Sul

R. Alberto Trajano, 244 - Centro, Santa Rosa do Sul - SC, 88965-000

Fone (48) 3534-1393

WhatsApp (48) 99963-5645

Segunda a Sexta das 08:00 ás 20:00

Sombrio

R. Caetano Lumertz, 565 - Centro, Sombrio - SC, 88960-000

Fone (48) 3533-3401 

WhatsApp (48) 99673-1478

Segunda a Sexta das 08:00 ás 20:00